Quando pensamos em conhecimento e sabedoria

Podemos ser melhores

Esses dias eu li uma mensagem que falava da diferença entre conhecimento e sabedoria, e achei fantástico compreender e identificar  a grandiosidade dessas diferenças, tanto na escrita, quanto no significados, e resolvi trazer  para nossa realidade de parapsicólogos clínicos  do Sistema Grisa.

Passamos pelo nosso processo de aprendizagem, através de salas de aulas buscando  leituras, adquirindo informações, na verdade adquirindo conhecimentos –  o que chamamos de cultura.

Tivemos o privilégio de buscar  conhecimento  partilhado, unimos   a  outras pessoas, vivenciando experiências  fora dos livros, mas cientes que  poderíamos  nos tornar cultos sem sairmos da reclusão de nossas casas, em bibliotecas. Nosso conhecimento veio acompanhado de algo muito melhor.

Tivemos naqueles momentos algo mais sublime,  que chamo aqui de  sabedoria.  Outras pessoas chegaram até nós, saíram da reclusão de uma biblioteca, de suas casas e vieram nos trazer o reflexo da vivencia, da prática, quer pela experimentação, quer pela observação da utilização dos conhecimentos que previamente haviam adquiridos.

Daí pude  perceber e entender que ser Sábio é algo mais engrandecedor;  é preciso viver, experimentar, ousar, ponderar, amar, respeitar, ver e ouvir a própria vida juntamente a outras vidas, dividir conhecimentos, partilhar  experiência, ensinar a ir ao encontro do outro, e fazer com   que conhecimento e sabedoria sejam repassadas,  de forma muito maior, para um resultado gratificante e feliz.  É preciso buscar sim o conhecimento. É preciso sim,buscar a informação. Mas é muito mais importante  nos tornarmos  cultos saindo   de nossas  casa ,  nossos casulos, nossa auto suficiência, do nosso excessivo jeito de ser crítico, as vezes até neuróticos sem saber que somos,  e irmos ao encontro do outro, levando nosso conhecimento vivenciado a experiência  sábia,   cientes de que ao levarmos, também aprendemos com a sabedoria acrescida ao conhecimento do outro, nos tornando ainda melhores, para  fazermos o percurso  buscando mais aprendizagem, mais conhecimento e muito mais sabedoria .É fazer uma viagem, sabendo onde queremos chegar, sabedores que somos merecedores  de nos encantarmos tanto com  a beleza do trajeto,  como com a alegria e o sucesso do resultado.  Essa é uma forma sábia de vivermos. Que esse desejo seja vibrante em cada um de nós, que esse querer venha acompanhado  de atitudes para  darmos passos  a caminho de um mundo melhor, onde o ser humano possa ser e  compreender  que se encantar pela vida é divino, e direito de todos.

Então:

Sejamos sábios, busquemos conhecimentos, tenhamos atitudes, vivamos, troquemos experiências,  exalemos coragem, compartilhemos o que há em nossos corações, amemos verdadeiramente.Como parapsicólogos clínicos do Sistema  Grisa, façamos a diferença nesse universo  de forma mais intensa, mais real.Vibremos mais com nossos clientes, mas entre nos mesmos.Sejamos melhor que nós mesmos a cada novo dia, focados num mesmo objetivo:  dar uma parcela linda, para um  mundo melhor!!!

Edna Pinheiro Amaral Andreão – Parapsicóloga Clinica – Sistema Grisa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.