janeiro 5, 2017 admin 0Comment

Educação – organização social – Saúde do Povo.
Falo como Professor, Educador e Mestre.
Professor ensina habilidades e competências;
Educador orienta para a Formação de Pessoas;
Mestre aponta caminhos de Sabedoria para qualidade de vida.

PRÊMIOS ESCOLARES.
Em 1971, no governo Médice surge uma proposta, aparentemente democrática: “É proibido, de ora em diante, premiar somente os alunos classificados, em primeiro, segundo e terceiro lugar; pois, em geral são sempre os mesmos; enquanto os demais alunos, a maioria esmagadora, vivem sentindo-se discriminados e inferiorizados!”

Nesta ocasião sou professor de escola fundamental e colegial.
Como que, impulsionado por mola invisível, fico de pé e exclamo:
— Já mataram ou exilaram nossas melhores lideranças! Querem agora sufocar e paralisar as novas lideranças, em seu berço!
— As gincanas, não representam uma forma mais democrática de premiação?
— Premia-se um número maior de alunos e vencedores em diferentes habilidades?
— É uma bela ilusão! -ironizo eu – as grandes lideranças não surgem dos campeões de tais gincanas. As gincanas Podem ter sua significativa importância; porém os grandes líderes sociais, políticos e empresariais sempre contam com significativo desenvolvimento intelectual. São oriundos dos alunos e alunas classificados entre os marcados pelas vitórias obtidas entre os classificados em primeiro, segundo e terceiro lugares; nas atividades escolares no processo ensino/aprendizagem.
Portanto, suprimida a premiação dos primeiros lugares, elimina-se a principal motivação, no surgimento de novas lideranças.
E a Sociedade permanece acéfala das pessoas que poderiam promover valiosas iniciativas, fundamentais decisões, como planejamento e organização.

Debatido o assunto entre os professores da nossa escola, decidiu-se ampliar as possibilidades de premiação entre os alunos…
Definidas as novas modalidades de premiação, foram convocados os pais; visando comunicar a nova sistemática de premiação e solicitar diferentes formas de colaboração dos pais, tanto em relação ao incentivo dos próprios filhos, quanto como membros da comunidade escolar e social, para colaborar de outras tantas maneiras, inclusive contribuindo com brindes para as premiações dos vencedores.
Posso afirmar que a nova premiação foi grandioso sucesso, contribuindo significativamente para a qualificação do desemprenho escolar e integração escola-comunidade social.

Dr. Pedro A. Grisa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.